Início
Resultados do projecto
Sobre Nós
Descrição do Projecto
Search sitemap

Descrição do projecto

 

Esta página apresenta os pontos principais sobre o projecto “LoGo Water”: Porquê, Para quê, Como, Onde e Quem.

 

Porquê?

Um número cada vez maior de professionais ligados ao sector dos recursos hídricos está a chegar à conclusão que raramente a escassez de conhecimentos é a razão principal para os limitados melhoramentos efectuados nas décadas passadas, em relação à crise global de acesso e gestão de água potável. Pelo contrário, aparentemente, o problema está na falta de transferência e adaptação do conhecimento existente, de modo a que se possam encontrar soluções integradas de gestão para cada realidade local e/ou regional.

 

 

Na região do sul de África podemos encontrar muitos dos impactos negativos dos problemas extremos relacionados com a água. Podem ser aplicadas soluções para estes problemas através da promoção  de melhores práticas de Gestão Integrada de Recursos Hídricos (GIRH) que facilitam o desenvolvimento e a gestão coordenada da água, da terra, e dos recursos relacionados, permitindo, assim, maximizar o bem estar económico e social que daí resulta sem com isto compremeter a sustentabilidade dos ecossistemas vitais.

 

Além disso, é a nível local que a política nacional se encontra com as necessidades das comunidades. Tal como referido pelas Chaves de Bona para o Desenvolvimento Sustentado (2001), os governos locais, quando lhes são delegados os poderes e meios para tal, e se devidamente apoiados nas suas capacidades, podem contribuir para um aumento de responsabilidade e de transparência na gestão de recursos hídricos e poderão, também, ampliar a participação das mulheres e homens, agricultores e pescadores, jovens e velhos, habitantes das zonas urbanas e rurais.

 

Para quê?

Neste contexto, o projecto LoGo Waterfaz a ponte entre o conhecimento disponível e as necessidades existentes, juntando especialistas africanos e europeus com os governos locais.

Com isto, o projecto LoGo Waterpretende melhorar significativamente a capacidade dos governos locais, de modo a que estes cumpram o seu papel no que diz respeito à adopção de soluções concretas de gestão de recursos hídricos e contribuir, assim, para alcançar os objectivos definidos nos Objectivos do Desenvolvimento para o Milénio relativos aos recursos hídricos.

 

Como?

Para atingir estes objectivos, os parceiros envolvidos no LoGo Waterlevarão a cabo uma série de actividades, focadas em 4 pontos principais.

1. Reunir o conhecimento existente sobre a GIRH, o papel dos governos locais e as necessidades urgentes da região do sul de África. Isto incluirá:

- Obter uma visão geral e actual do conhecimento científico já existente a nível internacional sobre os modelos e estruturas de participação de governos locais na GIRH.

- Adquirir uma visão geral da situação actual sobre a participação dos governos locais na GIRH na região do sul da África (SADC), tendo em conta os protocolo da SADC para os cursos de água partilhados.

- Adquirir uma visão geral da situação actual sobre o envolvimento dos governos locais europeus na GIRH face à Directiva Quadro da Água da União Europeia

2. Definir modos de actuação que permitam aos governos locais melhor contribuir para uma melhor gestão dos recursos hídricos e assim melhorar a actual situação. Isto incluirá:

- Encontrar uma posição comum em que os governos locais tenham um papel efectivo na GIRH das bacias hidrográficas da região da  SADC.

- Identificar os constrangimentos que impedem os governos locais de cumprir eficazmente esse papel na GIRH na região da SADC.

 

3. Desenvolver materiais e actividades que apoiem os governos locais a participarem de um modo efectivo numa melhor gestão dos recursos hídricos. Isto incluirá:

- Criar ferramenta para guiar os governos locais.

- Definir uma estratégia que ajude os governos locais a participarem na GIRH.

- Desenvolver propostas concretas para projectos-piloto de GIRH, por e para governos locais.

- Organizar um workshop de implematação para apoiar os governos locais no ínicio da implentação das actividades propostas (como descrito acima).

- Criar materiais de auto-aprendizagem para os governos locais sobre GIRH.

- Identificar recomendações dirigidas às partes interessadas de modo a facilitar uma acção eficaz na GIRH por parte dos governos locais.

- Definir opções que permitam orientar futuras pesquisas sobre este tema e sobre a região.

4. Disseminação dos resultados do projecto na região SADC. Isto incluirá:

- Criar um folheto do projecto para ser distruibuido entre os principais intervenientes.

- Criar uma página da internet para disponibilizar as informação sobre o projecto e os seus resultados.

- Apresentar o projecto em eventos internacionais para aumentar a consciência e motivar outros investigadores a trabalhar neste assunto.

- Organizar um seminário internacional para apresentar os resultados,  motivar outros governos locais a envolverem-se em actividades semelhantes e fazer com que as organizações internacionais dêem o seu apoio.

- Estabelecer ligações a outras redes que possam contribuir na disseminação dos resultados.

 

Onde?

O LoGo Watercentra-se na bacia hidrográfica do rio Limpopo, que servirá de exemplo para desenvolver soluções apropriadas para os governos locais na região SADC.

 

Quem?

O projecto será executado por um grupo de nove parceiros africanos e europeus em cooperação directa com os oito governos locais dos quatro países que partilham a bacia hidrográfica  do rio Limpopo.

Pode encontrar mais informações sobre os parceiros na secção Sobre Nós. Além disso, o projecto procurará contribuições de outros intervenientes regionais, nacionais, e locais ligados ao sector dos recursos hídricos.

Downloads: 

        Representação gráfica do projecto.pdf 

 

 

 Go up|






European Union Flag LoGoWater is funded by the European Commission Research Directorate General. Contract Number 003717.
Site and graphics created and maintained by ICLEI 2005
Powered by Typo3